Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘celebridades’ Category

Captura de Tela 2014-03-21 às 23.31.35

Vocês, meninas sabidas que são, já devem conhecer a cantora/atriz/modelo/topas-todas-tu Soko. Já até colocamos clipe dela por aqui no blog. Conhecendo ou não, achei oportuno o momento para voltarmos a falar da moça. Isso porque há alguns dias a internet inteira + a torcida do Flamengo, do Corinthians e qualquer outro time enfim, postou um vídeo supostamente mega fofo, naquele nível “voltamos a acreditar na humanidade” de um tal “primeiro beijo entre desconhecidos”. Enfim, desconfiada e ciente de quem era uma das moças a beijar outra moça nesse vídeo, saquei logo que se tratava de uma campanha. Para você, que estava em órbita extra-terrena, e não viu, estamos falando desse vídeo aqui, uma campanha publicitária de uma marca de roupa que nem convém aqui mencionar o nome:

(mais…)

Read Full Post »

Estava eu aqui preparando um post sobre a bizarrice das personagens bissexuais da novela de Maneco, quando recebo uma mensagem de uma amiga com isso aqui:

Captura de Tela 2014-02-15 às 09.10.29

Se vocês não sacam dos parangolé do inglês, traduzo:

Ellen Page sai do armário.

ou

Ellen Page é lebiscoita sim senhor.

ou ainda,

Ellen Page fala o que a gente já sabia e enche meu coração de orgulho.

Porque não apenas ela se admitiu lésbica, como fez um discurso absolutamente emocionante antes disso.

ellen page

A saída de armário aconteceu em um evento do The Human Rights Campaign e tem o vídeo com o depoimento completo da moça a seguir:

(mais…)

Read Full Post »

A soma é simples:  adolescente viciada em Arquivo X + paixão por Dana Scully = biscoita. Toda mocinha biscoita que se respeitava lá na década de 1990 tinha uma queda pela parceira do Fox Mulder. Ainda que torcêssemos pelo casal, no fundo, mas bem lá no fundo mesmo, queríamos era brincar de extraterrestre para abduzir a Dona Scania e levá-la para o nosso planeta. Décadas mais tarde, aparece agora Gillian Anderson, em entrevista para a Out, dizendo que não só teve um namoro de long time com uma outra garota, nos seus bons tempos de high school musical, como teve outros affairs com outras mulheres ao longo de sua vida.  A notícia só confirmou o que o gaydar de muita gente apitava há anos.

Para não nos empolgar muito, a atriz comentou que seu envolvimento com pessoas do mesmo sexo foram apenas “exceções”. Na verdade, na verdade, ela passou uma fase transando todo tipo de gente, numa época em que tudo que lhe seduzia era um tanto inapropriado ou anarquista para os padrões americanos de ser. Hoje, aos 44 anos de idade, três filhos e dois casamentos (com homens, tá?),  leva uma vida tranquila, caretinha, curtindo os manos numa boa, mas tenho certeza de que a notícia deixou muita biscoita no mundo com aquela cara de “eu sabia! eu sabia!“.

Para ler a reportagem original completa, é só conferir aqui.

Read Full Post »

Não, não é uma intrusa: sou eu mesma voltando para dar o ar da graça, chicas! Longas e intermináveis semanas envolvidas com trabalho, obras de apartamento novo e  um danado de um carnaval bem no meio de tudo isso, só restou mesmo me ausentar por algum tempo. Mas tô por aqui ainda, viu?

E o Oscar 2012, hein? Meryl Streep mereceu ou não? Pra mim, esta digníssima senhora demorou e muito pra levar outra estatueta. E eu estou sempre do lado dela, aviso logo!

Semana passada estava vendo o filme Annie Leibovitz – a vida através das lentes (2007) e lá estava ela, a Meryl, onipresente com seus 30 e poucos anos de idade, também sendo capturada pelas câmeras de uma das fotógrafas mais faladas das últimas décadas. Vale a conferida no filme, por sinal, que mostra um pouco do processo criativo de Annie, sua obsessão pela fotografia, além de tocar  no relacionamento dela com a grande ensaísta e ativista Susan Sontag.

A obsessão de Leibovitz em ver o mundo por meio de sua câmera não foi esquecida nem nos últimos momentos de vida de sua ex-mulher, que morreu de leucemia. Poucas horas antes de Sontag falecer, lá estava ela registrando as últimas imagens da escritora, já praticamente irreconhecível numa cama de hospital.  Em uma das cenas mais tristes do filme, Leibovitz se emociona ao falar da ex-companheira, deixando-nos com a certeza de que o que elas sentiam uma pela outra era nada mais que amor – e daqueles bem verdadeiros.

meryl by leibovitz

Read Full Post »

Recebi de ontem para hoje várias mensagens de amigas avisando do babado das últimas 24 horas:  Leisha Hailey e a namorada  foram expulsas de um voo da  Southwest Airlines por terem trocado beijos dentro do avião. Segundo a atriz e integrante da banda Uh Huh Her, o aviso foi que o beijo não era “ok” e que a companhia aérea era do tipo familiar. De se estranhar o uso do “familiar”, já que a Southwest Airlines se vende como gay friendly.

A empresa aérea, por sua vez, diz que a história não é bem assim. Que, na verdade, as moças exaltaram-se no bate-boca com a tripulação, exagerando nos palavrões e no tom de voz, depois que  foram avisadas que algumas pessoas do voo estavam incomodadas com os “excessos” do casal.

Apesar de realmente achar que Leisha e a namorada tenham exagerado nas expressões nada leves – acho que talvez fizesse o mesmo se tivesse sido repreendida por conta de um beijo na boca -, é difícil entender que uma empresa aérea oficial do Gay & Lesbian Alliance Against Defamation (GLAAD) utilize o tal termo “família” em suas alegações num momento em que o mundo revê e repensa o verdadeiro conceito da palavra. Ou será que não?

Garanto que há coisas mais incômodas que deveriam ser expurgadas de um voo. Sugiro que deem prioridade a algumas pessoas verdadeiramente perturbadoras e mal-educadas. Eu pelo menos expulsaria toda aquela “família modelo” que viaja com três pestinhas que não dormem nem deixam ninguém dormir dentro do avião, ou ler um livro, ou ver um filme. “Crianças inocentes”  que carregam nos palavrões cabeludérrimos, abrem o berreiro durante todo o voo e ainda passam na sua frente na fila do banheiro. Não esqueçam também daqueles seres, super preocupados em não ter uma trombose no meio das oito horas de viagem, que resolvem fazer ginástica, às duas da manhã, no corredor, ou na minúscula poltrona ao seu lado. Tenho certeza que costumam ver as dicas do Jornal Hoje sobre saúde e provavelmente foi lá que souberam como é bom dar uma esticadinha durante as viagens longas. De fato, o alongamento é super importante. O problema é que o tal exercício recomendado por especialistas não inclui chutes no passageiro ao lado,  pisadas nas bolsas alheias e tudo mais que estiver no seu caminho. Sugiro também expulsar quase toda tripulação da TAP, por antipatia. Acho tudo isso mais incômodo do que um beijo gay.

Por último, minha cara de passada: Leisha está namorando com Camila Grey, a vocalista do Uh Huh Her??! Eu jurava que ainda estava com Nina Garduno. Procurando a notícia em tudo quanto é lugar, achei apenas uns dois sites relatando que a tal namorada do avião era Nina. Os outros noticiários só apontavam como parceira de beijo a vocalista Camila Grey. Isso sim para mim foi o grande babado.

Read Full Post »

Beyoncé surpreendeu a todos no VMA ao anunciar sua gravidez, mostrando a barriguinha (menor do que a minha) no final da apresentação de Love on Top. Comoção total, plateia aplaudindo feito louca e o papai Jay-Z de riso enorme na cara.

Lady Gaga, para não ficar para trás, também marcou presença. Desta vez a cantora incorporou Jo Calderone, seu alter ego masculino, deixando seu lado mulherzinha em casa. Bebendo cerveja, fumando cigarro e tirando onda de tudo, Gaga/Calderone agradou os marmanjos ao convidar Brian May, guitarrista do Queen (grupo do qual ela sempre se disse fã), para acompanhá-la na apresentação de You and I.

Invejoso, Justin Bieber foi fantasiado ao evento e levou o super merecido prêmio de melhor lésbica da indústria fonográfica. Ou será que foi seu alter ego Gadú quem esteve por lá?

Bieber foi de Maria Gadú para o Music Awards

Read Full Post »

Ufa! Voltei, depois de alguns dias tentando encontrar tempo – e menos cansaço –  para postar. E voltei cheia de suingue, depois de ver no AfterEllen esse vídeo de bastidores da série Gayzzoli & IsLes (tá bom, Rizzoli & Isles), em que quase todo a equipe se junta para cair no funk do bem em comemoração ao aniversário da atriz Angie Harmon (Rizzoli). A sintonia do pessoal da produção é óbvia. Parece que todo mundo trabalha na maior empolgação. E confesso que me admirei ao ver Angie Harmon dando uma quebrada. A moça consegue rebolar um pouquinho. Claro que estranhei! Estou acostumada com o jeitão butch dela nas telinhas. Vocês não?

Read Full Post »

Older Posts »